O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou 13 distritos sob aviso vermelho por previsão de vento forte, e alguns também por agitação marítima, consequência da passagem por território continental do furacão Leslie.

Setúbal, Lisboa, Leiria, Coimbra, Aveiro, Porto, Braga, Viana do Castelo, Vila Real, Castelo Branco, Viseu e Guarda e Santarém são os distritos sob aviso vermelho, segundo as informações disponíveis na página na internet do IPMA.

Os distritos que entram em aviso vermelho mais cedo são os de Setúbal, Lisboa, Santarém, Leiria, Coimbra, Aveiro, com o aviso relativo a ventos fortes a vigorar a partir das 21:00 até às 03:00 de domingo, nos restantes distritos o aviso vigora a partir da meia-noite de sábado para domingo.

Setúbal, Lisboa, Leiria e Coimbra estão também sob aviso vermelho por agitação marítima a partir das 22:00 e até às 03:00 de domingo.

Proteção Civil alerta

Ventos fortes, agitação marítima e chuva são os principais receios da Proteção Civil para a passagem do furacão Leslie por Portugal, recomendando-se que a população se afaste das zonas costeiras e proteja pessoas e bens.

O furacão Leslie deverá afetar a partir do fim da tarde a costa entre Sines e Leiria, começando pela área metropolitana de Lisboa.

O comandante Belo Costa, da Autoridade de Proteção Civil, disse aos jornalistas que no período crítico, entre as 23:00 de sábado e as 04:00 de domingo, a recomendação é mesmo não sair de casa e evitar completamente o trânsito em zonas costeiras.

 

Madeira sem voos

O furacão Leslie passou ao largo da Madeira, causando, ainda assim, ventos muito fortes, que obrigaram ao cancelamento de todos os 60 voos de e para o aeroporto Cristiano Ronaldo, no Funchal.

O Instituto do Mar e da Atmosfera (IPMA) informou já que "as últimas previsões apresentam uma probabilidade muito elevada do furacão LESLIE atingir a costa ocidental de Portugal continental como depressão pós-tropical".

De acordo com o IPMA, o Leslie "irá começar a fazer se sentir no território do continente a partir das 19 horas na região da grande Lisboa, deslocando-se com a velocidade de cerca de 60 km/h para nordeste".

Treze dos 18 distritos do continente vão estar, a partir deste sábado, sob aviso vermelho devido à previsão de vento forte, segundo indicou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). Inicialmente o nível de alerta era amarelo mas foi agravado para vermelho ao início da tarde deste sábado.

Para estes distritos, a previsão do IPMA é de "vento forte a muito forte", com rajadas até 130 quilómetros por hora (km/h), que deverão sentir-se na zona entra Sines e a Figueira da Foz.

Assim, o Leslie deverá começar a afetar o território do Continente a partir das 19/22h locais de hoje (sábado). As previsões indicam a ocorrência de vento médio de 40 a 65 km/h com rajadas de vento máximas até 120 km/h entre as 19h de sábado e as 07h locais de domingo, em especial na costa ocidental e nas terras altas", diz ainda o IPMA.

O IPMA prevê "também precipitação por vezes forte entre as 22h de sábado e as 10h locais de domingo".

Já para a Madeira, "prevê-se vento médio até 40 a 60 km/h com rajadas de vento máximas que não deverão ultrapassar os 90/110 km/h, havendo, contudo, probabilidade entre 30 e 40% de ocorrência de ventos médios com força de tempestade tropical (entre 63 e 118 km/h) para as ilhas da Madeira e Porto Santo".

Prevê-se também precipitação por vezes forte entre as 7 e 16h locais de sábado. Deverá verificar-se um desagravamento do vento e da precipitação a partir do meio da tarde mas a agitação marítima ainda registará 4 a 5 metros até ao início da manhã de domingo", conclui o comunicado. 

Capitania alerta

Entretanto, a capitania do Porto do Funchal prolongou o aviso de vento forte nos mares da Madeira emitido sexta-feira até às 06:00 de domingo, reforçando o aviso de que as embarcações permaneçam nos portos de abrigo.

A autoridade marítima regional cancelou também o aviso de má visibilidade, que passa a ser “boa a moderada”.

Devido às más condições atmosféricas, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou a orla costeira sob aviso laranja para a situação da agitação marítima e amarelo, extensível à ilha do Porto Santo, por causa das previsões de vento forte, precipitação.

De acordo com as previsões IPMA, as ilhas da Madeira e Porto Santo vão sentir hoje os efeitos da passagem do furacão Leslie no arquipélago.

Nestas condições prevê-se, a partir da tarde do sábado, vento forte do quadrante sul com rajadas até 90 quilómetros por hora, sendo que, nas regiões montanhosas, o vento será forte a muito forte, com rajadas até 110 quilómetros por hora”, explicou o instituto.

Também está ainda previsto um aumento da agitação marítima, bem como precipitação forte, acompanhada de trovoada.

Até ao momento não há registo de qualquer ocorrência relacionada com o mau tempo registada por parte dos bombeiros da região.