Um padre da paróquia de São Mamede, em Lisboa, é suspeito de assediar sexualmente várias mulheres.

Uma das vítimas falou em exclusivo à TVI, mas pediu para não ser identificada com medo de represálias. Esta mulher diz que foi ameaçada e chantageada, descrevendo o padre como "agressivo e violento" e afirmando, ainda, que aquele chegou a usar a sua influência enquanto pároco para tentar desacreditá-la.

Pediu para não ser identificada com medo de represálias... isto depois de garantir que já chegou a ser ameaçada pelo padre Ismael Teixeira.

Ismael Teixeira, de 46 anos, é, além de padre, atleta de triatlo e professor universitário. Ficou conhecido como o "padre de ferro" por participar em provas do Iron Man.

Segundo as alegadas vítimas, os abusos aconteceriam quando o padre se encontrava sozinho na paróquia.

E para além de assédio sexual está também acusado de manter relações amorosas com fiéis da igreja.

A TVI teve acesso à denúncia feita ao Patriarcado de Lisboa e sabe que já foi nomeado outro administrador paroquial na igreja de São Mamede.

Tanto o Patriarcado de Lisboa como a paróquia de São Mamede não prestaram qualquer esclarecimentos. Também o padre Ismael Teixeira não respondeu às perguntas da TVI e recusou as várias tentativas de contacto.

No Jornal das 8 da TVI serão revelados novos dados, que envolvem o próprio Patriarcado, a paróquia de São Mamede e também a Universidade Lusíada, além da entrevista na íntegra à vítima.

Henrique Machado / CM