Um utente do lar da Santa Casa da Misericórdia de Portalegre (SCMP) morreu este domingo, elevando de um para dois o número de mortes relacionadas com o surto de covid-19 existente naquela unidade, disse à agência Lusa fonte da família.

A vítima mais recente deste surto é um idoso de 86 anos que se encontrava hospitalizado, desde quinta-feira, no hospital de Portalegre.

Em comunicado divulgado no sábado, a SCMP anunciou que tinha falecido uma utente de 84 anos, acrescentando que 20 funcionários da instituição fizeram testes com resultados positivos para o novo coronavírus.

De acordo com os resultados destes testes, tinha subido para 90 o número de infetados relacionados com o surto naquele lar, 70 utentes e 20 funcionários, segundo a instituição.

A SCMP indicou ainda que dos testes de rastreio ao vírus que provoca a covid-19, efetuados aos funcionários da instituição, "20 deram positivos, 57 negativos e três ainda aguardam resultados".

É importante referir que os níveis de apreensão são altos, mas tanto residentes como funcionários estão assintomáticos ou registam sintomas ligeiros", lê-se no comunicado.

A misericórdia alega que "ninguém pode prever a evolução da situação", mas pode "assegurar" que a "prioridade imediata é dar a melhor resposta possível na proximidade e proteção dos residentes e funcionários" da instituição na "tentativa de evitar o agravamento de toda a conjuntura".

Portalegre é um dos concelhos portugueses que a partir de segunda-feira passa a estar abrangido por medidas especiais para contenção da pandemia de covid-19, por ser considerado um concelho de risco elevado de transmissão, integrando um conjunto de 191 concelhos nesta situação.

De acordo com o relatório publicado esta manhã pela ULSNA na sua página na Internet, o distrito de Portalegre registava 387 casos ativos, sendo a lista liderada pelo concelho de Portalegre, com 183 casos. Seguem-se Elvas, com 45 casos ativos, Ponte de Sor (29), Campo Maior (29), Arronches (25) e Monforte (15).

O concelho do Crato apresenta 15 casos ativos, Gavião 10, Sousel quatro, Avis sete, Alter do Chão, Marvão, Nisa e Fronteira cinco casos cada.

O concelho de Castelo de Vide não apresenta hoje qualquer caso ativo.

No mesmo relatório, a ULSNA indica que foram feitos até hoje 23.535 testes de diagnóstico no distrito de Portalegre e que desde o começo da pandemia há registo de dois óbitos associados à covid-19.

Portugal registou 6.035 novos casos de infeção com o novo coronavírus e 76 mortes associadas à doença covid-19 nas últimas 24 horas, segundo o boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS) divulgado hoje.

Este é o terceiro dia consecutivo em que os casos se contabilizam acima dos seis mil.

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 3.381 mortes e 217.301 casos de infeção pelo novo coronavírus, estando hoje ativos 88.854 casos, mais 3.410 do que no sábado.

/ CE