A maior parte dos meios usados, esta segunda-feira, em Matosinhos para tentar encontrar uma criança levada pelo mar no domingo desmobilizaram cerca das 18:30, disse o comandante José Isabel, adjunto do capitão do Porto de Leixões.

Durante o dia, um helicóptero, uma equipa cinotécnica de busca e salvamento, várias embarcações e elementos dos Bombeiros de Matosinhos procuraram um sinal do menor, de quatro anos de idade.

Na terça-feira serão usados «sensivelmente os mesmos meios» para novas buscas no local onde a criança foi levada pelo mar - na praia da Quebrada - e mais a sul, adiantou o comandante José Isabel, explicando que durante esta noite vão fazer-se buscas «pontuais» ao longo da costa.

O jogador do Atlético de Madrid Simão Sabrosa deslocou-se a Matosinhos para acompanhar parte das operações de busca da criança, sua sobrinha.