A Linha de Saúde 24 está novamente sob pressão, por causa do recente aumento do número de contágios.

Na primeira semana deste ano foram feitas, em média, mais de 27 mil atendimentos por dia, valores que se aproximam dos registados na segunda vaga da pandemia, em novembro.

Só em outubro e novembro do ano passado foram atendidas tantas chamadas como o total de atendimentos registados durante todo o ano de 2009.

De acordo com o jornal Público, se a procura continuar a este ritmo, a linha SNS24 vai continuar a bater recordes este mês.

Devido aos picos de chamada e ao número cada vez maior de infetados, há momentos em que os atendimentos são demorados, motivando queixas e algumas desistências por parte dos utentes.

O SNS24 já requisitou mais de 429 mil testes à covid-19. Dos quatro milhões de atendimentos, 1,5 milhões estiveram relacionados com a pandemia.

Redação / LF