A trilogia de sucesso «Millenium», do escritor sueco Stieg Larsson, vai ser adaptada para uma série de banda desenhada, anunciou esta semana a editora norte-americana DC Entertainment/Vertigo.

De acordo com o editor DanDiDio, as personagens e as histórias que Stieg Larsson criou naqueles três policiais «são perfeitos para uma novela gráfica, que é um formato em que se pode dar vida a Lisbeth Salander [uma das protagonistas] de uma forma visualmente nova».

A trilogia, editada em Portugal e traduzida em mais de trinta países, inclui os volumes «Os homens que odeiam as mulheres», «A rapariga que sonhava com uma lata de gasolina e um fósforo» e «A rainha no palácio das correntes de ar».

A saga é protagonizada pelas personagens Mikael Blomkvist, jornalista de economia, e Lisbeth Salander, pirata informática e investigadora.

Cada livro de Stieg Larsson será editado em dois volumes de banda desenhada, estando prevista a edição dos dois primeiros em papel e em digital em 2012. Os restantes quatro volumes (referentes aos dois livros) serão publicados em 2013 e 2014.

«Será uma honra poder trabalhar numa história que já é tão popular, com milhões de leitores em todo o mundo», acrescentou o editor.

Stieg Larsson, jornalista e escritor, morreu em 2004 aos 50 anos, pouco depois de ter entregue os três volumes à editora, pelo que não chegou a saber que se tornaram num fenómeno de vendas e geraram um culto internacional.

O negócio editorial da DC Entertainment foi anunciado na Feira do Livro de Frankfurt.