A estrada da rua Marechal Spínola, no Porto da Cruz, na Madeira, desabou na madrugada desta quarta-feira, por causa do mau tempo. De acordo com fonte dos bombeiros de Machico, em declarações há TVI, não há vítimas nem outros danos a registar. 

A mesma fonte precisou que se trata de uma via de acesso à vila, junto ao túnel da via expresso para o Faial, que já estava em más condições e que acabou por ceder agora por causa das condições climatéricas. 

INFORMAÇÃO À POPULAÇÃO FREGUESIA DO PORTO DA CRUZ ENCERRAMENTO DE VIAS Rua Marechal Spínola interdida devido ao aluimento/ colapso de parte da via.

Publicado por Protecção Civil Machico em  Terça-feira, 1 de dezembro de 2020

O presidente da Câmara de Machico, Ricardo Franco, confirmou, em declarações à Lusa, que se abriu um buraco com 70 a 80 metros. 

Devido às fortes chuvas desta noite, a estrada que liga a freguesia à via rápida, na saída norte para o Faial, abateu, destruindo cerca de 70 a 80 metros da via, em cima de uma curva", especificou o autarca.

Ricardo Franco referiu que junto à curva vive um casal de emigrantes regressados de França: “Vamos retirá-los pelas traseiras e alojá-los condignamente, apesar de possuírem uma segunda casa".

O autarca adiantou que já tinha alertado a Direção Regional de Estradas para este risco, tendo a estrutura respondido que estava a monitorizar a situação.

Equipas dos Bombeiros Voluntários de Machico e do Serviço Regional de Proteção Civil, que já interditou a zona, estão no local.

É uma situação complicada ao nível da engenharia", admitiu o autarca.

Estrada é municipal mas foi construída pelo Governo Regional

A estrada, agora, é municipal", disse o presidente do município, o socialista Ricardo Franco, que se deslocou ao local para verificar a ocorrência, esclarecendo, no entanto, que já tinha alertado a Direção Regional de Estradas para o risco, tendo a estrutura respondido que estava a monitorizar a situação.

A via, designada Rua Marechal Spínola, foi construída no início dos anos 2000 e estabelece a ligação entre o centro da vila do Porto da Cruz e a via rápida, na costa norte da ilha da Madeira, mas a sua interdição não afeta a localidade, devido à existência de outros acessos.

Governo da Madeira avança com reparação da estrada 

O Governo da Madeira anunciou  que vai avançar, "com caráter de urgência", com a consolidação das margens da ribeira do Massapez.

Esta manhã fomos ao local avaliar a situação e, apesar de ser uma estrada municipal, sob gestão camarária, o Governo Regional vai avançar urgentemente com a consolidação das margens da ribeira e posterior reparação desta estrada, porque a população tem de ser salvaguardada", afirma o secretário do Equipamento e Infraestruturas, Pedro Fino, em comunicado.

"A população não pode estar privada dos seus acessos, nem ser prejudicada por questões que, neste momento, nada resolvem ou acrescentam", refere o secretário regional, vincando que o desabamento daquele troço, com cerca de 80 metros, põe em causa a moradia e, por outro lado, afetou as margens da ribeira e o seu normal funcionamento-

Manuela Micael / DA/Atualizada às 14:22