A população da freguesia de Mansores, em Arouca, uniu-se para homenagear as vítimas de Covid-19 com uma obra gigante, intitulada “Terço da Esperança”, que pode ser vista do céu.

O terço gigante, com a imagem de Nossa Senhora no interior, foi elaborado através de rolos de palha envoltos em plástico branco.

No domingo, a população de Mansores juntou-se no local, por das 20:30, para rezar o terço. Na cerimónia, foram acesas várias velas, que iluminaram o "Terço da Esperança". 

No concelho de Arouca, já morreram cinco pessoas vítimas da pandemia de Covid-19.  Até ao momento, morreram mais de 1.300 pessoas, em Portugal. 

Os autores do projeto apelaram ao cumprimento das normas de segurança recomendadas pela Direção-Geral da Saúde.

O Terço da Esperança, elaborado num dos campos do vale agrícola de Mansores, foi criado para, de certa forma, homenagear as vítimas da Covid-19 (só no nosso Concelho foram cinco). Sejamos agentes de saúde pública, responsáveis pela saúde de todos”, pode ler-se na página de Facebook da Catequese de Mansores.

Nuno Mandeiro