O corpo de Marílio Leite foi encontrado por amigos na noite de terça-feira, numa zona que já tinha sido batida pelas autoridades, na freguesia de Soalhães, Marco de Canaveses.

Marílio Leite, 48 anos, que participava no Trail das Capelas, terá sido vítima de uma queda fatal, tendo sido localizado a 2,5 quilómetros do local onde tinha sido visto pela última vez, quando disse a um colega que estava a descansar.

Foi encontrado sem vida por amigos, cerca das 21 horas, após mais de 48 horas de buscas, iniciadas na tarde de domingo, e numa zona que tinha sido já batida pelas autoridades.

Tudo indica que o atleta terá caído desta ribanceira com cerca de cinco metros de altura, num local de difícil acesso, com uma vegetação bastante densa, e que não permitiu às equipas no terreno chegar ao encontro do atleta”, disse o capitão da GNR Luís Alves, em declarações prestadas aos jornalistas no local.

Mais de 100 operacionais estiveram no terreno, bem como equipas cinotécnicas, além do recurso a drones. Participaram, ainda, nas buscas amigos, familiares e populares.

A GNR explicou, ainda, que, "através do controlo por chip" dos percursos, "a organização conseguiu detetar o dorsal" de Marílio Leite, que "emitiu sinal".

As suspeitas de crime estão, para já, afastadas.

Mais certezas sobre o que aconteceu só após a realização da autópsia.

Redação / CM