Morreu a bebé de ano e meio que foi atropelada acidentalmente pelo pai, que manobrava um empilhador, esta terça-feira, ao início da tarde, em Martingança, Alcobaça.

A menina foi transportada de helicóptero, em estado muito grave, para o Hospital Pediátrico de Coimbra, onde acabou por morrer.

O acidente ocorreu numa empresa na freguesia de Martingança, no concelho de Alcobaça, onde “o pai, camionista de profissão, carregava o camião”, manobrando um empilhador, “com o qual atropelou a menina”, disse à agência Lusa Micael Pereira, segundo comandante dos bombeiros de Pataias.

 

A bebé ficou “em estado muito grave” e foi acionado um helicóptero do INEM (Instituto Nacional de Emergência Médica) que a transportou ao Hospital Pediátrico de Coimbra.

O alerta para o acidente foi dado às 14:51 e no local estiveram 14 operacionais, apoiados por cinco viaturas (entre as quais a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) das Caldas da Rainha) e um helicóptero.