A autoridade marítima alertou esta quinta-feira para a possibilidade de agravamento das condições de mar no grupo Ocidental dos Açores (Flores e Corvo) a partir de sábado, aconselhando medidas de precaução e proteção.

Num comunicado assinado pelo Capitão do Porto da Horta e do Porto de Santa Cruz das Flores, Paulo Alexandre Rafael da Silva, a autoridade marítima refere que, no grupo Ocidental, formado pelas ilhas das Flores e Corvo, "a agitação marítima de oeste pode atingir valores de quatro metros de altura significativa" durante a manhã de sábado.

Espera-se que ao longo de sábado e domingo "a direção da agitação marítima rode para noroeste e aumente até cerca de seis metros de altura significativa", alerta ainda o comunicado.

Estas condições do estado do mar poderão melhorar ao final de domingo ou na segunda-feira, mas a autoridade marítima assinala que "é previsível que a agitação marítima se mantenha com valores de altura significativa" que "ainda inspiram precaução nos dias seguintes".

Face a estas previsões, a autoridade pede à comunidade marítima que adote "medidas de precaução e proteção, evitando as áreas de maior exposição à ondulação, verificando e reforçando a amarração, ou preferencialmente varando em lugar seguro as suas embarcações".

A população em geral "não deve frequentar as zonas costeiras, em especial as expostas à agitação marítima" e na proximidade da orla marítima, deverá "manter uma atitude de permanente vigilância", já que, "nestas condições extremas, o mar pode facilmente alcançar zonas aparentemente seguras", acrescenta.

/ HCL