O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para esta terça-feira no continente céu pouco nublado ou limpo, vento fraco a moderado predominando de nordeste, sendo moderado a forte nas terras altas a partir do final da tarde.

Está também prevista neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais, em especial nos vales dos rios, acentuado arrefecimento noturno, formação de geada, em especial nas regiões do interior e pequena subida da temperatura mínima.

No grupo ocidental dos Açores (Flores e Corvo) prevê-se períodos de céu muito nublado com abertas, tornando-se encoberto, períodos de chuva a partir do final do dia e vento noroeste bonançoso, rodando para sul e tornando-se gradualmente fresco a muito fresco com rajadas até 70 quilómetros por hora.

Para o grupo central (S. Jorge, Graciosa, Terceira, Pico e Faial) prevê-se períodos de céu muito nublado com boas abertas, aguaceiros fracos em especial na madrugada e vento noroeste fraco a bonançoso, rodando para sul e tornando-se bonançoso a moderado.

O IPMA prevê ainda para o grupo oriental (São Miguel e Santa Maria) períodos de céu muito nublado com boas abertas, aguaceiros na madrugada e vento do quadrante oeste fraco a bonançoso, rodando para sul.

Quanto às temperaturas, em Lisboa vão variar entre 06 e 17 graus Celsius, no Porto entre 05 e 17, em Vila Real entre 0 e 12, em Viseu entre 01 e 14, em Bragança entre -3 e 12, na Guarda entre -1 e 08, em Coimbra entre 04 e 16, em Castelo Branco entre 03 e 15, em Santarém entre 03 e 18, em Évora entre 03 e 16, em Beja entre 04 e 15, em Faro entre 07 e 19, em Ponta Delgada entre 14 e 17, na Horta entre 12 e 16 e em Santa Cruz das Flores entre 12 e 17.

Três barras dos Açores fechadas 

Três barras dos Açores estão fechadas à navegação e outras três no continente estão condicionadas devido à previsão de agitação marítima forte.

Segundo a Marinha, as barras do Corvo, Santa Cruz das Flores e Porto da Calheta (ilha de São Jorge), nos Açores, estão fechadas a toda a navegação por causa da agitação marítima forte.

No continente, a barra da Póvoa de Varzim está condicionada a embarcações com calado superior a dois metros e em Vila do Conde as embarcações devem navegar apenas duas horas antes e depois da preia-mar.

Em São Martinho do Porto, a barra está condicionada devido a assoreamento, pelo que a navegação deve ser feita com cautela e a barra praticada apenas na preia-mar.

Chuva coloca duas ilhas dos Açores sob aviso amarelo

O IPMA colocou ainda sob aviso amarelo as duas ilhas do grupo ocidental do arquipélago dos Açores, Flores e Corvo, devido à previsão de chuva.

Segundo o IPMA, o aviso amarelo vigora entre as 19:00 de hoje e as 05:00 de quarta-feira (mais uma hora em Lisboa).

A Delegação Regional dos Açores do IPMA informa que “a aproximação e passagem de uma superfície frontal fria deverá provocar um agravamento do estado do tempo” naquelas duas ilhas.

O aviso amarelo é o menos grave de uma escala de três e representa risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.