Os oito soldados recrutas que estavam internados desde sexta-feira no Hospital Militar de Lisboa, devido a insolação, já receberam alta hospitalar e vão regressar à instrução, informou o Exército.

O Exército informa que a recuperação dos oito soldados recrutas que se encontravam internados no Hospital das Forças Armadas devido a insolação, evoluiu de forma positiva e os militares receberam alta hospitalar, encontrando-se em condições de retomar a instrução", lê-se numa mensagem enviada à imprensa.

Um grupo de 33 soldados recrutas iniciou a sua instrução básica no Regimento de Artilharia Antiaérea n.º 1, em Queluz, no passado dia 21 de junho.

Poucos dias depois, na sexta-feira, oito desses soldados foram internados no Hospital das Forças Armadas, em Lisboa, confirmou fonte do Exército no domingo.

Na altura, o Exército acrescentou que a opção pelo internamento hospitalar se prendeu também com a garantia de manter a monitorização dos soldados e garantir que a recuperação é acompanhada por profissionais de saúde.

A instrução básica tem a duração de cinco semanas e tem como objetivo principal fornecer as competências necessárias à integração dos novos formandos nos valores e princípios básicos do Exército e termina com a realização da cerimónia do Juramento de Bandeira.

Na primeira semana de formação, os recrutas receberam as primeiras sessões de formação previstas para a IB [instrução básica], como identificar os vários postos dos diferentes ramos das Forças Armadas, reconhecer o significado do Juramento de Bandeira, compreender o Serviço Militar e executar movimentos de Ordem Unida, entre outros", acrescentam na nota.

/ HCL