Jaime Silva garante que os agricultores afectados pelo incêndio no Sabugal vão ser ajudados. De acordo com a TSF, o ministro da Agricultura assegurou ajudas para a alimentação de animais e reposição de olivais e vinhas. «Há 1500 ovinos envolvidos e 500 bovinos. Iremos dar 50 euros por ovino e cem euros para os bovinos para a alimentação, uma vez que não têm pastagens até às primeiras chuvas», afirmou o responsável.

Jaime Silva referiu que o Governo está disponível para pagar 50% da reposição de um olival ou de uma vinha que tenha ardido. No entanto, o ministro explica que vão ser necessárias candidaturas prévias a estas ajudas e que, nos próximos dias, vai ser feita a análise caso a caso dos prejuízos provocados por estes fogos. «Agora vamos na próxima semana identificar nas freguesias quem foram as pessoas afectadas e o que têm de fazer para poderem beneficiar deste apoio à alimentação animal e o que significa a reposição do potencial produtivo que perderam», explicou.

Os quatro dias de incêndios no Sabugal, que envolveu dez freguesias, queimaram mais de 11 mil hectares de terreno, o que equivale a um prejuízo que vai de sete a dez milhões de euros.