Uma mulher de 85 anos morreu esta terça-feira num acidente numa fossa séptica situada no terreno da sua habitação, na freguesia de Gondomil e Safins, em Valença, distrito de Viana do Castelo, disse à Lusa fonte da GNR.

Contactada pela agência Lusa, a fonte do Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo informou que "a mulher ajudava o marido nos trabalhos de manutenção da fossa, tendo deixado de ser vista".

A mulher foi resgatada do interior da fossa séptica e apesar das manobras de reanimação efetuadas pelos meios de socorro, foi declarado o óbito no local", esclareceu a fonte.

Segundo o comandante dos Bombeiros de Valença a fossa terá mais de dois metros de profundidade.

O corpo foi transportado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Viana do Castelo.

O acidente ocorreu cerca das 19:30.

No local compareceram 21 operacionais e nove viaturas dos Bombeiros de Valença, a ambulância de Suporte Imediato de Vida (SIV) de Valença, a Viatura de Emergência Médica (VMER), estacionada no hospital de Santa Luzia, em Viana do Castelo e a GNR.

Já no concelho de Melgaço, também no distrito de Viana do Castelo, outra idosa de 81 anos, que vivia sozinha, foi encontrada morta em casa, na freguesia de Paderne.

Segundo a fonte da GNR "a senhora não era vista há três dias". O alerta às autoridades foi dado cerca das 18:50.

No local compareceu a GNR e os Bombeiros de Melgaço. O corpo foi transportado para o IML de Viana do Castelo.

/ DA