Uma mulher de 98 anos morreu, este sábado, na sequência da queda de uma janela, no primeiro andar da habitação onde residia, na freguesia de Cortes, concelho de Monção, distrito de Viana do Castelo, disse à Lusa fonte dos bombeiros.

Segundo o comandante dos Bombeiros Voluntários de Valença, corporação que prestou socorro, a idosa "foi transportada, em estado grave, para o Serviço de Urgência Básica (SUB) de Monção, onde foi declarado o óbito".

O alerta foi dado cerca das 11:04 para a urbanização Quinta das Andorinhas, em Cortes, Monção.

Miguel Lourenço, adiantou que "a idosa residia com um filho que saiu de casa cerca das 10:00, tendo sido o proprietário do café situado por baixo do apartamento que se apercebeu da queda, e acionou os meios de socorro".

De acordo com aquele responsável são ainda desconhecidas as circunstâncias que estão na origem da queda.

Ao local compareceram as ambulâncias do INEM dos Bombeiros e de Suporte Imediato de Vida (SIV) de Valença, e a GNR.