Subiu para 973 o número de mortos por Covid-19 em Portugal, anunciou o o secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, na conferência de imprensa desta quarta-feira, de balanço diário da doença.

Morreram mais 25 doentes nas últimas 24 horas, o mesmo número de vítimas mortais registados na terça-feira.

Há, também, 183 novos casos de infeção, elevando o total para 24.505.

Os internamentos voltaram a subir, para 980 (mais 44), no entanto o número de doentes nos cuidados intensivos continuar a baixar, com menos três, para um total de 169.

O número de doentes recuperados subiu para 1.470, com mais 81 recuperações relativamente ao balanço da véspera.

Aguardam, ainda, resultados 3.825 casos suspeitos. Mais de 29.500 pessoas estão sob vigilância das autoridades de saúde.

A região Norte continua a ser a mais afetada pela pandemia, com 556 mortos e 14.715 infetados. Segue-se Lisboa (195/5.695), o Centro (196/3.340), Algarve (13/330), Alentejo (1/214), Açores (12/125) e Madeira (0/86).

Lisboa é o concelho com mais casos positivos - 1.447, à frente de Gaia, com 1.322, e  Porto, 1.187.

A maioria das mortes  - 658 - ocorreu em doentes com mais de 80 anos. A segunda faixa etária com maior número de óbitos - 191 - é a dos 70-79 anos. 

No total já morreram mais mulheres (496) que homens (477). O número de doentes infetados do sexo feminino é, igualmente, superior: 14.503 contra 10.002 no masculino.

Boletim da DGS - 29 de abril by TVI24 on Scribd

Catarina Machado