A Polícia Judiciária (PJ), através da Directoria do Norte, anunciou, esta quinta-feira, a detenção de um suspeito de 33 assaltos à mão armada em agências bancárias, na zona do Grande Porto. De acordo com comunicado da PJ, a detenção ocorreu com «a ajuda de populares e da Polícia de Segurança Pública». Os crimes de que é suspeito ocorreram no período compreendido entre 05 de Setembro de 2007 e esta quarta-feira.

O homem actuava sozinho «e de forma dissimulada, ameaçando os funcionários bancários seus interlocutores com uma arma de fogo do tipo pistola semi-automática e revelando especiais cuidados em não deixar vestígios nos locais do crime». O suspeito foi interceptado esta quarta-feira, na zona da Maia, «com a colaboração de populares que, após mais um assalto, se aperceberam da sua fuga apeada quando era já perseguido por funcionários da agência bancária».

Populares caçam ladrão de banco na Maia

O detido, de 34 anos de idade, trabalhador comercial desempregado, vai ser presente a interrogatório judicial para aplicação de medidas de coacção.
Redação / MM