acesso aos autos



estava em liberdade

segredo de justiça






Acrescenta que o MP decidiu autorizar o acesso aos autos da investigação "a todos os intervenientes processuais que já o solicitaram ou que o venham a solicitar".

Vara também quer ter acesso aos autos



"Naturalmente que queremos conhecer rapidamente o processo, para estarmos mais aptos a consolidar a nossa posição sobre a matéria" disse o advogado Tiago Rodrigues Bastos, que defende Armando Vara.









"Estamos neste momento à espera de um despacho do juiz que declare validamente prestada a caução", disse Tiago Rodrigues Bastos, que espera que esta situação seja resolvida rapidamente, "com a cessação da medida de prisão domiciliária e a consequente retirada da pulseira".









Nota Para a Comunicação Social