Portugal regista, esta quinta-feira, mais 12 mortos e mais 2.554 novos casos de covid-19, de acordo com a última atualização do boletim epidemiológico da Direção-Geral de Saúde (DGS). 

A área de Lisboa e Vale do Tejo, com 794 novos casos e a região Norte, com 931, têm 67,5% do total das novas infeções.

Das doze vítimas mortais, seis óbitos registaram-se na região de Lisboa e Vale do Tejo, quatro na região Norte, uma no Algarve e outra nos Açores. Já em relação às idades das vítimas mortais, o boletim regista que sete tinham mais de 80 anos, três entre 70 e 79 anos e uma entre 60 e 69 anos.

Ainda segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde estão, esta quinta-feira internadas 688 pessoas com covid-19, menos sete em relação a quarta-feira, 141 das quais em cuidados intensivos, mais duas que quarta-feira.

Quantos ao número de pessoas recuperadas nas últimas 24 horas, o valor foi de 2238.

Tanto a incidência, como o R(t) mostram uma ligeira subida. Em relação à incidência, a nível nacional o valor encontra-se nos 314,6 casos de infeção por SARS CoV 2/ COVID 19 por 100 000 habitantes. Considerando apenas Portugal continental, o valor sobe para 319,0 casos por 100 000 habitantes.

Quanto ao Rt, este está agora nos 0,98, tanto a nível nacional, como em Portugal continental.

Os dados do Rt e da incidência de novos casos por 100 mil habitantes a 14 dias - indicadores que compõem a matriz de risco de acompanhamento da pandemia - são atualizados pelas autoridades de saúde à segunda-feira, à quarta-feira e à sexta-feira.

Devido a um atraso no processo, segundo o Ministério da Saúde, os valores de quarta-feira foram apenas divulgados hoje.

O nível de risco na matriz de monitorização da pandemia de covid-19 fixa-se agora em 480 casos por 100 mil habitantes a 14 dias, em vez dos anteriores 240.

535_DGS_boletim_20210819 by Patrícia Pires on Scribd

Redação / JGR