Nas últimas 24 horas, Portugal registou mais três mortos e 965 novos casos, de acordo com a mais recente atualização do boletim epidemiológico da Direção-Geral de Saúde.

De acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), divulgado esta quarta-feira, estão agora internadas 316 pessoas, mais 15 do que na terça-feira, das quais 61 em unidades de cuidados intensivos, menos uma nas últimas 24 horas.

Os três óbitos foram registados nas regiões de Lisboa (1), Norte (1) e região Autónoma da Madeira (1). Duas das vítimas mortais tinham mais de 80 anos e uma entre os 70 e os 79 anos.

Taxa de incidência e índice de transmissibilidade voltam a subir

A taxa de incidência de infeções com SARS-CoV-2 nos últimos 14 dias a nível nacional continua a subir situando-se hoje nos 94,8 casos por 100 mil habitantes assim como o índice de transmissibilidade (Rt) que é agora de 1,08.

Segundo o boletim epidemiológico conjunto da Direção-Geral da Saúde e do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, a nível nacional a taxa de incidência subiu de 92,4 para 94,8 casos de infeção por 100 mil habitantes.

Em Portugal continental, este indicador registou também uma subida passando dos 92,8 para 94,9 casos por 100 mil habitantes.

O Rt - que estima o número de casos secundários de infeção resultantes de cada pessoa portadora do vírus - subiu de 1,06 para 1,08 a nível nacional e em Portugal continental.

Os dados do Rt e da incidência de novos casos por 100 mil habitantes a 14 dias - indicadores que compõem a matriz de risco de acompanhamento da pandemia - são atualizados pelas autoridades de saúde à segunda-feira, à quarta-feira e à sexta-feira.

Redação