«Há um conjunto de preconceitos que levam a que estas famílias sejam colocadas nas periferias, em terrenos impróprios ou com deficientes condições de habitabilidade»

«há vários locais do país onde é recusada a permanência de famílias ciganas» e o acesso à água nos acampamentos.



desrespeito pelos hábitos e costumes das famílias com quem vão partilhar espaços comuns, a adopção de comportamentos agressivos e intimidatórios, a vandalização de espaços comuns e ausência de vontade em colaborar em processos de mudança.





alguns ciganos passaram a dedicar-se a actividades ilícitas como o tráfico de armas e de drogas

«é fundamental apostar em respostas no trabalho, como forma de escapar à pobreza e recuperar a sua autonomia e dignidade».