As autoridades policiais detiveram um homem suspeito de abuso sexual a duas crianças, uma com 8 e outra com 11 anos, no ano de 2017, em Lagos, no Algarve, anunciou esta quarta-feira a Polícia Judiciária (PJ).

As vítimas, ambas do sexo feminino, foram alegadamente abusadas “no interior da própria habitação do agressor”, que tem 43 anos, trabalha na construção civil e “mantinha relações de proximidade familiar e de vizinhança” com as crianças, precisou a PJ num comunicado.

Os crimes terão sido cometidos de forma alternada, quando o suspeito “se encontrava sozinho com cada uma das crianças”, referiu ainda a PJ, acrescentando que o detido vai ser esta quarta-feira presente a primeiro interrogatório judicial e, no final, conhecerá as eventuais medidas de coação a que fica sujeito.