De acordo com a investigação, os dois homens “serão responsáveis pela autoria de dezoito assaltos à mão armada a farmácias, estabelecimentos comerciais e um restaurante, ocorridos em Lisboa e Cascais, entre agosto e dezembro deste ano, bem como pelo furto de duas viaturas automóveis utilizadas no apoio a esses assaltos”