Um homem de 55 anos foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) suspeito de ser o autor de um incêndio florestal na freguesia da Bajouca, concelho de Leiria, anunciou esta segunda-feira esta força policial.

Em comunicado, a PJ adianta que, através do seu Departamento de Investigação Criminal de Leiria e em cumprimento de um mandado de detenção emitido pelo Departamento de Investigação e Ação de Penal de Leiria, deteve o homem, que “é suspeito de ter ateado o incêndio numa zona de eucaliptos integrada numa significativa mancha florestal”.

Segundo a PJ, o fogo, em 28 de agosto, ocorreu “na sequência de desavenças familiares motivadas pela posse de propriedades”.

O incêndio “foi prontamente combatido por populares e teria proporções mais gravosas caso não tivesse havido uma rápida intervenção dos meios de combate”, acrescenta a PJ.

Ao arguido, além de termo de identidade e residência, foi aplicada “a medida de coação de proibição de contactos” com familiares, informou fonte da PJ, referindo que o suspeito não tem antecedentes criminais.

/ RL