A Polícia Judiciária deteve esta quinta-feira um homem suspeito de ter abusado sexulmente da enteada durante quatro anos, nos Açores.

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal dos Açores, identificou e deteve um indivíduo do sexo masculino, pela presumível prática de diversos crimes de abuso sexual de crianças, vitimando uma menor, sua enteada", lê-se no comunicado. 

De acordo com a nota enviada à comunicação social, os abusos terão começado quando a vítima tinha 9 anos e prolongaram-se até aos 13 anos de idade, "aproveitando-se o agressor da coabitação para sujeitá-la às referidas práticas"

O suspeito, de 36 anos, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

/ CE