A Polícia Judiciária deteve, esta quarta-feira, o suspeito do homicídio de uma brasileira, a 28 de janeiro, em Santarém. A mulher foi encontrada sem vida numa casa da Travessa das Frigideiras, no centro histórico, com sinais de violência extrema.

O homem, de 26 anos, "que não mantinha qualquer relação pessoal ou sentimental" com a vítima foi detido na própria casa, no centro da cidade de Santarém, próximo do local onde a mulher foi assassinada.

"Na sequência das diligências efetuadas pela Polícia Judiciária foi possível no dia de ontem proceder à identificação, localização e detenção do indivíduo suspeito da prática do crime, tendo sido reunido importante e sólido acervo probatório que permite indiciar fortemente o suspeito como autor do crime", adianta a PJ em comunicado. 

Lúcia Oliveira tinha dois filhos e era casada com um homem português com quem morava há cinco anos. Na altura do crime, o homem estava a trabalhar no estrangeiro no ramo da construção civil.

Ao que a TVI conseguiu apurar, a mulher era prostituta e o marido não sabia de nada.

O suspeito vai agora ser presente ao tribunal de Santarém para conhecer as medidas de coação.