A Polícia Judiciária deteve um homem, de 21 anos de idade, pela suspeita da prática do crime de incêndio.

O crime ocorreu na noite do passado dia 20, quando o homem, aparentemente por razões fúteis, ciúmes e vingança sobre uma ex-namorada, provocou o incêndio na residência da mesma. O suspeito partiu janelas e regou o local com gasolina e ateou o incêndio com um isqueiro.

A habitação ficou completamente destruída, bem como todo o mobiliário e bens pertencentes à vítima, não tendo havido danos pessoais em virtude da mesma e das suas duas filhas menores não se encontrarem em casa nesse momento", lê-se no comunicado da PJ.

O detido ficou em prisão preventiva.

/ JGF