A Polícia Judiciária (PJ) deteve uma mulher, de 29 anos, suspeita de ter "encomendando" a morte do marido, em setembro de 2014, no concelho da Amadora, foi  anunciado.

Em comunicado, a PJ refere que a mulher foi detida na semana passada e que procedeu também à identificação de um homem, de 27 anos, já anteriormente detido, suspeito de ser o "executante" do crime. 

Os factos foram cometidos em setembro de 2014, quando o presumível autor se introduziu na residência da vítima, um homem de 51 anos, e aí a atingiu com um disparo de arma de fogo, tendo de seguida submergido totalmente o corpo na banheira da casa de banho, factos que levaram à morte daquela. A investigação apurou que o presumível autor atuou no quadro de um acordo prévio concertado com a ora detida, cônjuge da vítima", explica a PJ. 

O presumível autor encontra-se em prisão preventiva desde novembro, indiciado pela prática de outros crimes de homicídio, violação e furto qualificado. 

A mulher foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.