Investigadores da Polícia Judiciária (PJ) detiveram um terceiro suspeito de assaltar um homem, sob ameaça de arma, junto à marina da Póvoa de Varzim, em março de 2020, revelou aquela autoridade.

Trata-se de um homem de 21 anos que, conforme indica a PJ em comunicado, “se tinha ausentado da sua residência e estava sem paradeiro certo”, tendo “várias referências criminais por crimes contra a propriedade”.

Outras duas detenções relacionadas com o caso foram efetuadas em novembro de 2020 e exatamente um ano após o crime.

O assalto sob ameaça de arma ocorreu cerca das 22:00 de 29 de março de 2020, junto à marina da Póvoa de Varzim, distrito do Porto, “na sequência de um encontro previamente marcado entre o ofendido e uma pessoa do sexo feminino sua conhecida”, segundo a polícia.

Naquele local, afirma a PJ, o ofendido “foi surpreendido por vários comparticipantes que, mediante a ameaça com armas de fogo, apropriaram-se de bens e dinheiro que o ofendido detinha”.

/ MJC