Um professor, de 32 anos, foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) suspeito da prática de abuso sexual de crianças e pornografia de menores, em Gondomar, informou hoje a aquela força policial.

De acordo com a PJ, o homem já foi presente a primeiro interrogatório judicial tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Em comunicado, a PJ esclarece que “a investigação se iniciou na sequência de denúncia, por parte dos pais de um menor visado, de que o suspeito, ao longo dos últimos meses, vinha mantendo contactos de cariz sexual com menores do sexo masculino”.