Quatro agentes da PSP foram vítimas de agressões em diferentes casos que ocorreram no distrito de Setúbal durante o fim de semana, anunciou a Polícia, nesta segunda-feira.

No Fogueteiro, no concelho do Seixal, um homem de 31 anos foi detido pelos crimes de resistência e coação sobre elementos policiais.

"Após informação de distúrbios com vários indivíduos junto a um estabelecimento de restauração e bebidas, uma patrulha da PSP deslocou-se ao local de forma a cessar os desacatos e identificar os intervenientes. Sem que nada o fizesse prever, vários indivíduos saíram do interior do estabelecimento, arremessando cadeiras e garrafas, de forma a impossibilitar as identificações", indica a PSP.

Dois agentes da PSP acabaram feridos, sendo que um deles foi agredido com um soco pelo detido.

Já em Setúbal, um elemento da PSP sofreu ferimentos e necessitou de receber assistência hospitalar num caso de violência doméstica.

"O suspeito terá agredido fisicamente a sua companheira e abandonado a sua residência. Aquando da chegada dos elementos policiais, foi providenciado o respetivo apoio médico. Após abandonarem o local, o suspeito regressou, arrombando a porta da residência com a filha da vítima e uma amiga no interior", explica. A PSP intercetou depois o indivíduo, que reagiu com violência e tentativas de agressão para com os agentes, com "um a acabar ferido". O homem, de 31 anos, acabou por ser detido.

Também em Setúbal, foi detido um homem de 40 anos por resistência e coação sobre elemento policial.

"Após informação de excesso de ruído na via pública, uma patrulha da PSP deslocou-se ao local onde se encontravam várias dezenas de indivíduos junto a um estabelecimento de restauração. Ao se aperceberem da presença policial, alguns indivíduos tentaram, através de agressões físicas, dificultar a ação policial, injuriando e ameaçando os agentes", salienta a PSP.

Um dos elementos policiais acabou por ser atingido com uma pancada no peito pelo suspeito, que foi detido no local.

/ CM