A Diretoria do Centro da Polícia Judiciária anunciou hoje a detenção de uma mulher suspeita do crime de tráfico de estupefacientes, na cidade de Pombal, distrito de Leiria.

Numa nota de imprensa, a PJ informa que, através da Diretoria de Centro, deteve uma mulher, desempregada, presumível autora da prática de um crime de tráfico de estupefacientes.

A detenção, que ocorreu na cidade de Pombal, “foi materializada no decurso de uma investigação que visa combater a importação, através de plataformas informáticas na denominada Darknet, de estupefacientes, nomeadamente drogas sintéticas”.

Segundo a PJ, a suspeita, com 20 anos, foi abordada e detida em flagrante delito por inspetores da Polícia Judiciária “na posse de 101 comprimidos de ecstasy, com o peso bruto de 52,64 gramas, estupefaciente que se destinava ao seu consumo e comercialização em festas trance e outros espaços de diversão noturna, onde, regra geral, este tipo de produtos tem grande procura”.

A PJ acrescenta que, no decurso das diligências, foram ainda encontrados e apreendidos artigos que “indiciam o cultivo de cannabis, uma balança de precisão, bem como 33,42 gramas de haxixe”.

Após ter sido presente a primeiro interrogatório, a suspeita, sem antecedentes criminais, ficou sujeita à medida de coação de apresentações duas vezes por semana às autoridades na sua área de residência.