Um homem ficou em prisão preventiva por "vários crimes de furto qualificado, recentemente ocorridos no concelho de Ponta Delgada, entre os quais no Banco Alimentar Contra à Fome de São Miguel", nos Açores.

Em comunicado enviado, esta terça-feira, às redações, o Comando Regional da PSP adianta que "no decurso das várias diligências policiais”, logo "imediatamente após o crime ocorrido nas instalações do Banco Alimentar Contra a Fome", foi possível "localizar vários artigos que haviam sido furtados pelo arguido aquando do assalto".

Segundo aquela força policial, os artigos foram "apreendidos" de forma "a serem devolvidos" ao Banco Alimentar.

Na investigação a cargo da Esquadra de Investigação Criminal, "com o contributo de peritos técnico-forenses do Núcleo de Investigação da PSP dos Açores" foi ainda possível "recolher um conjunto substancial de provas que apontam fortemente" o homem como sendo o "autor do crime recentemente ocorrido no interior das instalações da Direção Regional dos Recursos Florestais", circunstâncias que "impulsionaram a detenção" do suspeito "fora de flagrante delito", refere a PSP.

O homem, com 31 anos, após ter sido sujeito a interrogatório no Tribunal de Ponta Delgada, ficou com a "medida de coação mais gravosa - prisão preventiva", informa ainda a PSP, no mesmo comunicado.

/ IC