A GNR encontrou, no domingo, uma idosa que estava desaparecida há mais de 24 horas, no concelho de Porto de Mós. A mulher de 78 anos estava caída num terreno com silvas, consciente e com pequenas escoriações, segundo as autoridades.

De acordo com um comunicado da Guarda Nacional Republicana, o alerta para o desaparecimento da idosa, na localidade de Cabeça Veada, foi dado no dia 22 de junho, pelas 16 horas.

A mulher tinha dificuldades de locomoção, necessitando de apoiar-se numa bengala para andar. O aviso foi dado depois de ser constatado que era impossível contactá-la, por ter o telemóvel desligado.

Foram mobilizados para as buscas militares do Grupo de Intervenção e Proteção e Socorro, dos postos territoriais de Porto de Mós e Mira Daire e três binómios cinótecnicos da Unidade de Intervenção.

As autoridades conseguiram localizar a idosa, às 21 horas do dia 23 de junho. De acordo com a GNR, “foi encontrada junto da estrada nacional 362, na mesma localidade de onde tinha desaparecido, e estava caída num terreno com silvas, consciente e com pequenas escoriações”.

A mulher foi depois transportada para o hospital mais próximo, para observação.