O Comando Territorial da GNR do Porto anunciou hoje a detenção de um homem de 64 anos, suspeito do crime de violência doméstica, praticado ao longo dos últimos 30 anos, no concelho de Vila do Conde.

Em comunicado, a GNR esclarece que os militares apuraram que o suspeito terá dirigido à vítima, sua mulher, de 63 anos, “injúrias e agressões físicas durante os 30 anos de casamento, bem como a ameaçava de morte, chegando a dormir com facas debaixo da almofada, como forma de intimidação, o que culminou na sua detenção”.

Detido na quinta-feira, o agressor foi já presente a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal Judicial de Matosinhos, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de afastamento da residência da ofendida, não se podendo aproximar da residência nem da vítima num raio de 200 metros, proibição de contacto com a ofendida por qualquer meio, sendo controlado por pulseira eletrónica e, ainda obrigação de submissão a tratamento da dependência de álcool.

. / AM