A Associação de Bares da Zona Histórica do Porto (ABZHP) apresenta quarta-feira dois espaços que conseguiram contornar as limitações impostas pela nova legislação sobre consumo de tabaco, revelando quais os argumentos jurídicos que permitem «fugir à lei», refere a Lusa.

«Vamos apresentar dois off-shores para a Lei do Tabaco», afirmou António Fonseca, presidente da associação.

Cigarro electrónico para largar vício

Lei do tabaco fez cair venda e consumo

António Fonseca acrescentou que a ABZHP divulgará quarta-feira, em conferência de imprensa, «como se pode fugir à lei e quais as soluções jurídicas para o conseguir fazer».

Em causa, segundo o presidente da associação, está a «desigualdade de direitos» provocada pela nova legislação sobre consumo de tabaco, que estará a prejudicar espaços comerciais como os bares.
Portugal Diário