O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve esta terça-feira no Aeroporto de Lisboa, à chegada do Brasil, um cidadão português que tinha dois mandados de detenção por burla e que alegou amnésia.

Em comunicado, o SEF adianta que a detenção ocorreu depois de uma comunicação da Procuradoria-Geral da República sobre um cidadão repatriado de São Paulo para Portugal.

O cidadão alegou sofrer de amnésia quando foi detetado no Brasil pelos serviços diplomáticos portugueses, que decidiram repatriá-lo para Portugal.

O detido será ainda à tarde presente a autoridade judicial para aplicação das medidas de coação.

/ HCL