Uma mulher inglesa, com cerca de 25 anos, foi socorrida esta quinta-feira pela Polícia Marítima depois de ter ficado isolada num edifício desocupado na Fuzeta, Olhão, por causa da maré-cheia.

De acordo com a Lusa, fonte da capitania explica que o alerta foi dado por um residente que ouviu os gritos da cidadã inglesa na Praia dos Tesos. A mulher terá ido para a praia ao fim da noite quanto a maré estava vazia e refugiou-se no edifício do Clube Náutico da Fuzeta. As autoridades acabaram por resgatá-la por volta das 02h30.