Mais de duzentas pessoas em protesto exigem a construção de um novo hospital no Seixal. A população montou um hospital de campanha.

O hospital Garcia de Orta é a única alternativa que a falta de resposta invalida.

O projecto foi assinado em 2009 com a então ministra da Saúde, Ana Jorge e conclusão estava prevista para 2013, mas, até agora, nem um pedra. E assim deverá manter-se nos próximos anos. Ainda esta semana o ministro da Saúde, Paulo Macedo, afirmou que «avançar com novos hospitais nesta altura seria decidir aumentar a dívida do ministério».
Redação / CF