Um homem, apelidado pela polícia de "Homem-Aranha", foi detido na terça-feira na freguesia de Alcântara, em Lisboa, por furtar objetos após escalar os edifícios, anunciou hoje a PSP.

Com os furtos, o homem lucrou cerca de 10.600 euros, causando danos patrimoniais superiores a 47.000 euros, informou a PSP.

O detido, com 31 anos, é suspeito de arrombar e escalar locais situados no Seixal, Cascais, Oeiras e em Lisboa.

O suspeito foi detido após uma investigação que durou cerca de meio ano, tendo a PSP recuperado diverso material relacionado com alguns dos crimes que praticou.

O homem, indiciado por diversos crimes de furto qualificado e por burla informática, já tinha antecedentes criminais e ficou em prisão preventiva, a medida de coação mais gravosa.