A PSP de Aveiro está a investigar o caso de duas pessoas residentes em Ovar que terão sido burladas através da aplicação informática de pagamentos e serviços MB WAY, informou esta quinta-feira aquela força policial.

Segundo um comunicado da PSP, o primeiro caso ocorreu no dia 27, pelas 14:00, e teve como vítima um homem, de 61 anos, que tinha à venda um artigo em cerâmica num site de compra e venda 'online'.

A PSP refere que a vítima recebeu uma chamada de um desconhecido que mostrou interesse na compra do referido artigo, informando que pretendia fazer o pagamento através da aplicação MB WAY.

A vítima, que desconhecia o modo de utilização da nova tecnologia, dirigiu-se a uma caixa Multibanco e, seguindo instruções do suspeito, introduziu o número de telemóvel deste e o respetivo código”, refere a mesma nota.

Desta forma, adianta a PSP, a vítima associou ao seu cartão Multibanco os dados do suspeito, acabando, inadvertidamente, por lhe dar acesso à conta que está associada ao seu cartão, permitindo assim que o suspeito realizasse levantamentos indevidos de dinheiro da sua conta bancária.

A vítima só se apercebeu que tinha sido vítima de burla pelas 20:00, quando um funcionário do Banco lhe ligou a informar que, durante a tarde, tinham sido feitos levantamentos de dinheiro.

Ainda em Ovar, no dia 28 de janeiro, às 17:39, outro homem, de 60 anos, denunciou, também, ter sido vítima do mesmo tipo de crime, através do mesmo modus operandi, quando pretendeu vender um eletrodoméstico, num site de compra e venda online.

Ambos os casos estão a ser investigados pela PSP.

/ AG