A Polícia de Segurança Polícia (PSP) deteve dois homens suspeitos de roubo em Lisboa, na quarta-feira. Um deles já tinha sido detido em julho por se ter feito passar por polícia para assaltar um grupo de turistas. Na altura ficou em prisão preventiva, mas a medida acabou por ser revista e ficou em liberdade.

Segundo um comunicado da PSP, os dois indivíduos detidos têm 29 e 38 anos. Foram detidos no âmbito de uma Operação de Vigilância e Investigação Criminal da PSP para neutralizar um foco de roubos na zona do Cais do Sodré.

Os dois suspeitos encurralaram e roubaram um homem, debilitado pelo consumo de álcool. Numa zona escura e sem trânsito, um deles efetuou o golpe vulgarmente chamado “mata-leão” à vítima, enquanto o outro revistou e roubou a carteira da vítima.

Os polícias da PSP foram atrás dos suspeitos, apanharam-nos e recuperaram a carteira que tinha sido roubada.

Um dos detidos já tinha sido apanhado em julho, igualmente pela prática de um roubo agravado. O homem fez-se passar por polícia para assaltar um grupo de turistas. Na altura ficou em prisão preventiva, mas a medida acabou por ser revista, e entretanto, saiu em liberdade.

Os dois homens foram presentes, no Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa, a primeiro interrogatório judicial. O "falso polícia" ficou novamente em pris«ão preventiva enquanto o outro homem saiu em liberdade, obrigado a apresentações periódicas às autoridades.

/ SS