Um homem de 58 anos desaparecido, desde janeiro, de uma instituição de Vila Nova de Gaia, no distrito do Porto, foi encontrado na segunda-feira em Bragança pela PSP, divulgou hoje aquela força de segurança.

O homem, natural de Santa Marinha, em Vila Nova de Gaia, tinha desaparecido a 8 de janeiro da instituição “TEKTO” e foi localizado em Bragança na sequência de uma queixa para alegadas perturbações que estava a causar na via pública.

De acordo com informação divulgada hoje pelo Comando Distrital da PSP de Bragança, uma patrulha foi alertada, na segunda-feira, pelas 16:30, para a presença de um indivíduo na avenida Sá Carneiro, “a perturbar os transeuntes, com aparência de sem-abrigo, descalço e com vestes sujas e rasgadas”.

A patrulha veio a apurar tratar-se do homem que estava desaparecido na zona da “TEKTO”, em Vila Nova de Gaia, e que o mesmo “deambulou por Espanha, acabando por ser localizado” na cidade fronteiriça de Bragança.

A PSP verificou que tinha sido emitido pelo Tribunal do Porto um mandado de condução, pelo que levou o homem ao hospital de Bragança, onde deu entrada no serviço de psiquiatria para devido encaminhamento.