Uma jovem de 23 anos morreu após uma ação da Polícia de Segurança Pública (PSP) em São João da Madeira.

A TVI sabe que a jovem foi baleada no peito.

De acordo com um comunicado da PSP, enviado às redações, a polícia fazia uma ação relacionada com a existência de "vários furtos em viaturas num local concreto" da cidade quando foi detetada "uma viatura suspeita a circular na área de ocorrência dos furtos, com as luzes desligadas, parando junto dos veículos estacionados".

Momentos depois foi audível o ruído correspondente à quebra de um vidro de uma viatura ali parqueada, indiciando uma prática criminal, pelo que os polícias abordaram os seus ocupantes", lê-se no comunicado.

A PSP informa que "durante a abordagem aos suspeitos foram efetuados disparos com arma de fogo, em circunstâncias que serão apuradas". A viatura suspeita fugiu do local, "sem que fosse possível deter os seus ocupantes".

Mais tarde, refere o comunicado, uma jovem de 23 anos, com "ferimento por arma de fogo, que se supõe estar relacionada com a ocorrência descrita" deu entrada no Hospital de São João da Madeira. A mulher entrou em paragem cardiorrespiratória e morreu no hospital.

Dos factos foi dado conhecimento à Polícia Judiciária e à Inspeção Geral da Administração Interna (IGAI)", acrescenta a polícia.

A PSP diz que deslocaram-se ao local dois inspetores da Inspeção da PSP para procederem a uma análise e avaliação iniciais e que foi instaurado um "inquérito de âmbito disciplinar para apurar as circunstâncias que rodearam a intervenção policial".