Um juiz de instrução criminal mandou prender preventivamente um homem de 21 anos, residente na Maia, distrito do Porto, por suspeitas de agredir a própria mãe, informou esta quinta-feira o Comando Metropolitano da PSP.

O homem, que a polícia tinha detido ao final da tarde de quarta-feira em cumprimento de mandado judicial, está também referenciado, segundo um comunicado da PSP, por vários outros crimes contra a integridade física, bem como contra o património, na área da Maia.

No mesmo comunicado, a PSP indica que apreendeu armas a um homem que 19 que deteve na quinta-feira, em Rio Tinto, Gondomar, também no distrito do Porto, por alegado envolvimento em violência doméstica.

A PSP refere nomeadamente a apreensão de 19 armas brancas, uma elétrica, quatro de ar comprimido, uma besta, diversas flechas, seis bastões e uma matraca.

Na nota, o Comando Metropolitano PSP sublinha ainda que tem em funcionamento, 24 horas por dia, o Gabinete de Atendimento e Informação a Vítimas (GAIV) para onde são encaminhadas todas as vítimas locais de violência doméstica do concelho do Porto.

/ HCL