Mais de duas dezenas de concelhos dos distritos de Portalegre, Castelo Branco, Santarém, Coimbra, Viseu e Bragança apresentam hoje um risco máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O IPMA colocou também vários concelhos de todos os distritos (18) de Portugal continental em risco muito elevado e elevado de incêndio.

De acordo com o instituto, o risco de incêndio vai continuar máximo, muito elevado e elevado pelo menos até sábado em vários distritos de Portugal continental.

O risco de incêndio determinado pelo IPMA tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo, sendo o elevado o terceiro nível mais grave.

Os cálculos para este risco são obtidos a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

Por causa do tempo quente previsto para hoje no continente, o IPMA colocou sob aviso amarelo os distritos de Vila Real, Bragança, Guarda, Castelo Branco, Portalegre, Évora e Beja até às 21:00.

Na terça-feira, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) emitiu um “aviso à população” para o agravamento do risco de incêndio rural hoje e quinta-feira devido à subida da temperatura.

No “aviso à população”, a Proteção Civil refere que o IPMA prevê o “agravamento do risco de incêndio” face à subida gradual da temperatura máxima e à diminuição da humidade relativa.