A GNR deteve um casal por suspeitas de roubarem idosos em vários lares de norte a sul do país. Os dois detidos faziam-se passar por familiares dos utentes que não tinham visitas e seria nessas visitas que coagiam os idosos a entregar-lhes peças de ouro e dinheiro.

Os roubos foram cometidos nas zonas de Alvalade, em Lisboa, Penacova, Santa Comba Dão, Santiago do Cacém, Sines e Vila Nova de Santo André.

Na sequência de uma investigação que durou nove meses, os militares da GNR conseguiram deter os dois suspeitos na residência onde viviam no Monte da Caparica, em Almada.

Foi o familiar de um utente que denunciou o caso às autoridades. A investigação estava a cargo da GNR de Santiago do Cacém.

Os alegados autores destes crimes, de 51 e 47 anos de idade, serão presentes esta quarta-feira ao tribunal de Almada. 

 
Daniela Rodrigues