Os enfermeiros do IPO do Porto e dos hospitais de Guimarães, Tâmega e Sousa e Trás-os-Montes estão a ser notificados pelos Recursos Humanos para devolverem os acertos salariais que receberam.

Duas dezenas de enfermeiros do IPO do Porto começaram esta segunda-feira a ser notificados para devolver dinheiro que lhes foi pago pelo Ministério da Saúde há quase uma década.

O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses alerta que este cenário está a ser aplicado a um universo de 20 mil trabalhadores.

A devolução resulta de uma circular da ACSS, a Administração Central do Sistema de Saúde, e o sindicato já avançou com ações coletivas contra o hospital de Penafiel e IPO do Porto.

Diz ainda que vai, em breve, avançar para o tribunal contra os hospitais de Guimarães e Vila Real.

João Ferreira Pelarigo