Pelo menos quatro hospitais nortenhos recebem esta quarta-feira vários doentes de hospitais da região de Lisboa e Vale do Tejo.

Segundo uma fonte hospitalar avançou à TVI, o Hospital de São João, no Porto, recebe 15 doentes, todos acompanhados por médicos durante a viagem e que vão ser internados em enfermaria.

Este hospital portuense tem, atualmente, 48 doentes covid-19 internados nos cuidados intensivos e, desde janeiro, já recebeu mais de 100 doentes de outros hospitais.

O Hospital Amadora Sintra confirmou entretanto à TVI que está a transferir 20 doentes para dois hospitais do Norte, devido à elevada taxa de ocupação deste hospital: 15 vão para o Hospital de São João, no Porto, e 5 vão para o Hospital de Gaia.

São todos doentes estáveis, que estavam em enfermaria.

O Hospital Amadora Sintra atingiu hoje o número máximo de doente covid, com 368 internados, e é a unidade mais pressionada da região de Lisboa e Vale do Tejo neste momento.

O Hospital Garcia de Orta avançou à TVI que está a transferir seis doentes para hospitais do Norte.

Três doentes vão para o Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga e os outros três vão para o Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa.

Já o Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, indicou à TVI que está a transferir quatro doentes, mas para outros hospitais: um, internado nos Cuidados Intensivos, vai para Castelo Branco e outros três, em enfermaria, vão para o Baixo Vouga, Cidade Universitária e Hospital das Forças Armadas.

Catarina Pereira Teresa Rodrigues Francisco David Ferreira / - notícia atualizada às 18:49